A escolha entre optar ou não por equipamentos de movimentação vertical pode influenciar no resultado e no cronograma da obra

Escolher o equipamento ideal é fundamental, principalmente para realização de trabalhos que exigem altos níveis de segurança.


A utilização de um equipamento de movimentação vertical adequado para a realização de pinturas de fachadas, ou qualquer outro trabalho em edifícios altos, é de extrema importância para a obtenção de sucesso na conclusão desta etapa da obra.

Trabalho em altura, sempre gera preocupações em obra, pois sempre há risco de quedas e outros tipos de acidentes. Por isso é fundamental definir o equipamento certo para execução desse tipo de trabalho, além de contar com profissionais habilitados para trabalho em altura e bastante conscientes quanto a necessidade de utilização dos equipamentos de segurança para as atividades a serem desenvolvidas.

O Balancim tanto manual quanto elétrico é um equipamento que viabiliza a execução de revesti- mento e pintura externa, entre outros trabalhos em panos de fachada de uma edificação. Sua maior vantagem é a produtividade dos operadores, que se deslocam rapidamente e com segurança enquanto trabalham.

Os modelos da marca Menegotti Construção possuem disponibilidade de larguras entre 1 a 8 metros, sendo que o modelo manual também pode ser instalado em formato “L”, ideal para acaba- mento nos cantos da fachada.

 

Foto: Divulgação Vendamac

Utilização de oito Balancins Elétricos Menegotti para a execução da fachada do Shopping Moinho Center JK, localizado na Avenida JK em Juiz de Fora – MG.

A decisão sobre qual equipamento de movimentação vertical utilizar deve levar em conta fatores como tamanho da obra, mão de obra, prazo e equipamentos auxiliares, como máquina de projeção de reboco. Pois, essa decisão irá influenciar diretamente no atingimento ou até mesmo na superação dos resultados esperados.

01/10/20 • Atualizado 01/10/20